Blog

04-07-2018

A montanha da Penha em 15 imagens incríveis

Montanha da Penha em Guimarães _ Portugal

LUÍS PAULO RODRIGUES
lpr@turismoemguimaraes.com

Uma viagem a Guimarães fica incompleta se o turista não fizer uma visita à montanha da Penha e à zona verde ao redor do santuário de Nossa Senhora da Penha, um espaço de turismo religioso e ecológico, que desafia nossa capacidade de descobrir e desfrutar o patrimônio natural, que aqui mostramos em 15 imagens incríveis.


Santuário de Nossa Senhora do Carmo da Penha e seus jardins belíssimos.

Com uma altitude de 586 metros, a montanha da Penha, que parece testemunhar lá do alto tudo o que acontece na cidade, proporciona múltiplas experiências aos visitantes de Guimarães, começando pela visão magnífica sobre a cidade histórica, situada a escassos 6 quilômetros.


A construção do teleférico, inaugurado em 1995, foi um marco na melhoria da infraestrutura turística da montanha da Penha.

Seus belíssimos espaços verdes, seu hotel, seu espaço de acampamento e sua poderosa igreja em granito, em honra de Nossa Senhora do Carmo da Penha, são atrações irresistíveis para momentos prazerosos de contato com a natureza.


O teleférico proporciona uma viagem com vistas sobre paisagens deslumbrantes.

“É um lugar espetacular em meio ao verde exuberante. Almocei no hotel e adorei”, conta ao blog TURISMO EM GUIMARÃES a turista brasileira Carla Sollberger, jornalista e comunicadora, que visitou a montanha neste ano de 2018 e ficou encantada com “uma vista espetacular”. “Tem pedras gigantescas entre as árvores. É tudo muito impressionante”, considera a turista de Brasília, que adora Portugal e o peso histórico da cidade fundadora.


Tributo aos aviadores portugueses Gago Coutinho e Sacadura Cabral, que fizeram a primeira travessia aérea entre Portugal e o Brasil.

Se o centro histórico de Guimarães proporciona um contato espetacular com o patrimônio edificado ao longo de vários séculos, a montanha da Penha garante ao turista a tranquilidade, a beleza e a inspiração de seu patrimônio natural.


Parque de campismo.

Para além do Santuário de Nossa Senhora da Penha, o cimo da montanha dispõe de infraestrutura variada, sendo posição de destaque um parque de campismo de montanha (ótimo para o acampamento de mochileiros), o Hotel da Penha, um campo de minigolfe, circuitos de manutenção, um centro hípico, áreas de passeio e lazer, um mini-trem turístico, restaurantes, bares e lanchonetes. E, claro, muitas árvores, bosques e jardins, garantindo ar puríssimo.


O verde é a cor dominante. Com a chegada do outono, as folhas caem e o chão se torna marrom. Um espetáculo da natureza!

O turista pode também descobrir inúmeras grutas e desfrutar as magníficas paisagens que os miradouros naturais proporcionam. Enfim, são muitos  argumentos para um dia bem vivido na montanha da Penha!


Na viagem em direção ao santuário da Penha deixamos para trás a cidade de Guimarães e seu centro histórico.

A viagem entre a cidade de Guimarães e a montanha da Penha pode ser feita de teleférico, ou bondinho, como se diz no Brasil, numa extensão de 1700 metros. A viagem é rápida e proporciona a visão de lindas paisagens ao redor da cidade de Guimarães.


Milhares de católicos devotos a Nossa Senhora do Carmo da Penha na peregrinação anual que se realiza anualmente no segundo domingo de setembro.

No calendário católico, o segundo domingo do mês de setembro é dia de festa: nessa data, se realiza a peregrinação anual ao santuário de Nossa Senhora da Penha, que atrai uma multidão de fiéis.


Piscina no parque de campismo da Penha.

Mais informações nos links: www.penhaguimaraes.com e www.turipenha.pt.


Verde, muito verde ao redor do santuário. Muito lindo!


O teleférico e o castelo da cidade. Em Guimarães tudo fica muito perto.


O telefério sobre o verde da natureza.


O santuário de Nossa Senhora do Carmo da Penha.


Parque de Campismo.

Compartilhe esta matéria nas mídias sociais

Pesquisa