Blog

18-04-2018

Guimarães celebra Dia dos Monumentos

Castelo de Guimarães

Não poderia ser de outro jeito: uma cidade histórica como Guimarães, com tantos monumentos e lugares de rara beleza e valor arquitetónico, celebra hoje o Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, uma celebração que é assinalada em vários países do mundo.

A palavra “sítio”, que no Brasil significa “pequena fazenda nos arredores de uma cidade”, significa, em Portugal, “um lugar”. Neste caso, um lugar de importância cultural e histórica.

A data foi instituída em 18 de abril de 1982 pelo ICOMOS (Conselho Internacional dos Monumentos e Sítios), uma associação de profissionais da conservação do patrimônio, e aprovada pela UNESCO, em 1983.

O objetivo é promover os monumentos e lugares históricos e valorizar o patrimônio português, ao mesmo tempo que tenta alertar para a necessidade da sua conservação e proteção.

Neste dia, a cidade de Guimarães realiza várias iniciativas para celebrar o Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, tais como visitas e entradas gratuitas nos monumentos. Ao longo da semana que integra este dia, também se realizam comemorações por todo o país, sempre com um tema diferente. Este ano, as comemorações têm como máxima: “Património Cultural: de Geração para Geração”.

Guimarães se destaca com uma programação específica, em articulação com a Direção-Geral do Patrimônio Cultural do Ministério da Cultura de Portugal. Visitas guiadas, projeção de multimídia e teatro de marionetas são algumas das atividades.



No Paços dos Duques de Bragança decorre uma projeção multimídia com as ações de salvaguarda e divulgação do patrimônio pertencente à instituição. Esta ação se destina ao público em geral. No mesmo horário, também no Paço dos Duques, realizam-se roteiros sob o mote “Da Vila de Cima à Vila de Baixo”, para o público escolar. Uma oportunidade para a criançada conhecer o centro histórico de Guimarães e seus monumentos.

Também para o público escolar, a Associação de Amigos do Paço dos Duques de Bragança e o Castelo de Guimarães organizam um espetáculo de teatro de marionetas, dando a conhecer, de uma forma muito divertida, episódios marcantes da vida dos primeiros duques de Bragança, D. Afonso e D. Constança. A peça se intitula “O Afonso e a Constança, primeiros duques de Bragança”.



No Museu Alberto Sampaio está previsto, também, um teatro de marionetas, designado “Sonhos da Roberta – Há Freiras no Museu e visita à Sala de Santa Clara”. Neste evento, destinado ao público infantil dos 3 aos 8 anos, o objetivo é dar a conhecer a vida conventual das freiras do Convento de Santa Clara, seguida de uma visita guiada à Sala de Santa Clara, onde se conserva o espólio proveniente deste convento de Guimarães que sobreviveu ao seu encerramento.



Em Caldas das Taipas, serão comemorados “2 Séculos de Patrimônio Termal nas Taipas (1818-2018)”, com uma visita guiada aos Balneários Termais existentes na vila de Caldas das Taipas. A par do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios são assinalados 200 anos em que o termalismo iniciou no município de Guimarães.



Na Citânia de Briteiros e no Museu da Cultura Castreja decorrem com visitas livres ao longo do dia, destinadas ao público em geral.

As informações foram recolhidas no site oficial do Município de Guimarães. Ver informação completa aqui: goo.gl/mHp6jz.

Fique sabendo que os turistas estrangeiros representam 85% das entradas nos monumentos portugueses, enquanto 61% das entradas nos museus e palácios são feitas por turistas portugueses. Isto significa que o estatuto de monumento nacional impulsiona a visita dos turistas estrangeiros.

Compartilhe esta matéria nas mídias sociais

Pesquisa